Bob’s lidera em novembro, Giraffas fica em segundo

Num ano cujo primeiro semestre foi liderado pela rede de fast food Subway, e o segundo semestre parecia que seria liderado pelo McDonald’s, o Bob’s retomou em novembro a liderança conquistada em outubro no engajamento de seus usuários nas redes sociais.

Na taxa média diária de engajamento medida pelo Torabit, o Bob’s fechou novembro com taxa diária de 0,39% acima do segundo colocado, a rede Giraffas, com 0,27%.

O Burger King fechou o mês em terceiro lugar com 0,16% e o McDonald’s em quarto, com 0,14%. Para compor este índice diário foram computadas as redes Facebook e Twitter. Especificamente em cada rede, quem se saiu melhor no Facebook também foi o Bob’s, com 0,72%. No Twitter, no entanto, o campeão foi o Burger King, com 0,15%.

A disputa foi bem mais acirrada no segundo semestre. De janeiro a junho, a liderança foi mantida pelo Subway. Em julho e agosto, venceu o McDonald’s. Em setembro, o Bob’s. Em outubro, a rede nacional Giraffas. Faltam os índices de dezembro para se analisar o ano como um todo, mas ninguém conseguirá superar a marca do Subway neste ano: seis meses seguidos no topo.

Sobre a abrangência das taxas aqui reveladas, conforme jurisprudência do Social Bakers, no Facebook a taxa média de engajamento para páginas acima de 1 milhão de fãs é de 0,28%. No Twitter, ela é 0,19% para perfis entre 100 mil e 500 mil seguidores.

Com quase 68 milhões de seguidores no Facebook e mais de 428 mil no Twitter, o McDonald’s é a presença digital com maior audiência nas duas redes monitoradas pelo Torabit.

info-fast-food-novembro

Gostou? Curte e compartilha 😉

Passada a “turbulência” do Ovomaltine, Giraffas retoma a liderança no engajamento

A rede brasileira de fast food Giraffas retomou a liderança no engajamento de seus usuários nas suas redes sociais em outubro, conforme monitoramento realizado mensalmente pelo Torabit.

A média diária da taxa de engajamento da Giraffas (computados Facebook e Twitter) foi de 0,25%, bem à frente do segundo colocado, o McDonald’s, com 0,16%. Passado o turbilhão ocorrido em setembro, quando a rede americana Bob’s conseguiu um uma taxa diária média inédita de 0,85%, os concorrentes retomaram os níveis históricos que vinham obtendo.

A turbulência em setembro, no entanto, veio mostrar o quanto as redes são sensíveis às batalhas travadas pelas marcas nas redes. O fato do McDonald’s ter obtido o direito de propagar a marca Ovomaltine para seu milk-shake, como já fazia o Bob’s, provocou uma saudável troca de mensagens e posts entre as marcas e os usuários. Isto alimentou, principalmente, o engajamento dos usuários do Bob’s. A taxa média diária subiu de 0,01% em agosto para 0,87% em setembro, num aumento de 87 vezes.

O Bob’s conseguiu reter parte deste engajamento em outubro e marcou o terceiro lugar, com 0,09%, empatado com o Burger King. Quando examinado somente o Twitter, no entanto, o campeão é o McDonald’s, com0,19% de média diária. Mas a Giraffas sustenta sua posição de liderança por atingir 0,45% no Facebook, uma boa dianteira frente às demais cadeias de fast food.

Sobre a abrangência das taxas aqui reveladas, conforme tabela do Social Bakers, no Facebook a taxa média de engajamento para páginas acima de 1 milhão de fãs é de 0,28%. No Twitter, ela é 0,19% para perfis entre 100 mil e 500 mil seguidores.

Com 67,3 milhões de seguidores no Facebook e mais de 422 mil no Twitter, o McDonald’s é a presença digital com maior audiência nas duas redes monitoradas pelo Torabit.

 

info-fast-food-102016-1

Gostou? Curte e compartilha 😉

Embalado pelo Ovomaltine, Bob’s salta à frente de todos na taxa de engajamento

Com um desempenho extraordinário em único mês, a rede americana de fast-food Bob’s saltou à frente de seus principais concorrentes na taxa de engajamento nas redes sociais em setembro. O monitoramento mostra que a razão foi o fato do Bob’s perder para o McDonald’s a exclusividade do uso da marca Ovomaltine no seu milk-shake e, mesmo assim, conseguir melhor desempenho no engajamento de seus seguidores.

A rede Bob’s­, que vinha amargando a última posição desde que a taxa média começou a ser medida pelo Torabit, em janeiro, perdeu a exclusividade mas conquistou uma média de 0,87% de engajamento em setembro, taxa jamais alcançada por qualquer concorrente até aqui. Para se ter uma ideia, o segundo lugar, que ficou com a rede nacional Giraffas, conquistou apenas 0,25%, ou seja, 62 décimos de pontos percentuais a menos.

O McDonald’s não conseguiu transformar a novidade em maior engajamento nas redes e obteve desempenhos inferiores aos que vinha obtendo, tanto no Twitter quanto no Facebook, como se pode ver no infográfico.

info-fast-food-092016

O desempenho do Bob’s foi igualmente extraordinário tanto no Facebook (com 1% cravado na taxa média diária) quanto no Twitter (com 0,73%). No Facebook, quem chegou mais perto do Bob’s foi a Giraffas, com 0,47%. No Twitter foi o McDonald’s, com 0,17%.

O monitoramento realizado pelo Torabit mostra que a batalha começou a esquentar no dia 13, às 11h18 quando o Bob’s, em resposta a um teaser do Mac, publicou um post no Facebook perguntando: “Finalmente lá?”. Referia-se à informação que o McDonald’s vinha divulgando dizendo que um novo clássico chegaria “finalmente” à sua rede. Só foi referir-se nominalmente ao milk shake com Ovomaltine, cujo uso da marca era exclusividade do Bob’s até então, na noite do dia 13.  Daí para a frente, o Bob’s conseguiu mobilizar seus seguidores com posts que resultaram em retuites, likes e compartilhamentos com picos no dia 14 e no dia 21.

O curioso é que outras marcas entraram na brincadeira. A Giraffas aproveitou para dizer, também em post no Facebook, que estava “de boa, assistindo a treta com meus vários milk-shakes”. A Philips exibiu um liquidificador ao lado de um milk-sake afirmando: “finalmente na sua casa”.

Para se ter uma ideia da abrangência das taxas aqui reveladas, conforme tabela do Social Bakers, no Facebook a taxa média de engajamento para páginas acima de 1 milhão de fãs é de 0,28%. No Twitter, ela é 0,19% para perfis entre 100 mil e 500 mil seguidores.

Com 67,2 milhões de seguidores no Facebook e mais de 416 mil no Twitter, o McDonald’s é a presença digital com mais audiência. O Bob’s acumula 2,7 milhões de fãs no Facebook e 80 mil seguidores no Twitter.

Gostou? Curte e compartilha 😉

McDonald’s segue na frente; Giraffas quase empata na taxa de engajamento de agosto

Com apenas 0,01 ponto percentual a mais, a cadeia norte- americana McDonald’s lidera a média da taxa de engajamento dos fast-foods nas redes sociais em agosto de 2016. O Torabit apontou um resultado geral de 0,23%. Ele vem seguido de perto pela cadeia
brasileira Giraffas, que encerrou o mês com 0,22% de engajamento médio. Os dados mais interessantes do monitoramento da presença digital de ambas as marcas é que Giraffas lidera no Facebook, com 0,41% de engajamento médio diário enquanto o McDonald’s tem menos da metade deste resultado, 0,20%. Mas, no Twitter, a situação se inverte radicalmente, e o McDonald’s apresenta taxa de 0,25% e a Giraffas 0,02% – 12,5 vezes menos. Para se ter uma ideia da abrangência das taxas, registre-se, segundo o Social Bakers, que no Facebook a taxa média de engajamento para páginas acima de 1 milhão de fãs é de 0,28%. No Twitter, ela é 0,19%
para perfis entre 100 mil e 500 mil seguidores. Com 66,8 milhões de seguidores no Facebook e mais de 412 mil no Twitter, o McDonald’s é a presença digital com mais audiência. Dez vezes maior do que a Giraffas no Facebook (ela com 1,5 milhão de fãs) e
sete vezes mais no Twitter, onde a Giraffas tem quase 61 mil seguidores.

info-fast-food-082016

Gostou? Curte e compartilha 😉

Giraffas tem ótimo desempenho no Twitter e empata com o Subway na média da taxa de engajamento

Um desempenho extraordinário no Twitter, cuja rede foi inteligentemente usada pela Giraffas em junho (provavelmente porque “surfou” em assuntos quentes de cada dia, como entrar na disputa de memes entre Portugal e Brasil – #segundaguerramemeal), fez com que o fast food brasileiro empatasse com a rede americana Subway na média da taxa de engajamento em junho. Esta taxa mede as ações dos restaurantes no Facebook e no Twitter. Subway caiu da média de 0,34% em maio para 0,27% em junho. A façanha do Giraffas foi crescer da média de 0,25% para 0,27%, empatando com Subway.

O efeito maior do Giraffas nas redes em junho aconteceu no Twitter, onde ele pulou de uma taxa de 0,04% em maio para 0,41% em junho – um salto de 925%.

O McDonald’s, a marca mais valiosa entre os fast foods de todo o mundo, segue como o campeão de seguidores quando comprado a seus competidores. É o líder tanto no Facebook (65,5 milhões) quanto no Twitter (388 mil) no Brasil. O desempenho (medido pelo engajamento) do McDonald nas redes sociais, dado o alto volume de seguidores, é muito bom: 0,17% no Twitter; 0,24% no Facebook e média de 0,21% na taxa mensal de junho – o que o coloca em terceiro lugar.

A taxa de engajamento mostra a relação direta da audiência conquistada em cada plataforma social versus o aproveitamento dela a partir dos posts da página, ou seja, o quanto os seguidores da página interagem com as postagens ofertadas. Nos meses analisados, a rede Bob’s pouco postou em suas páginas nas redes, fazendo com que sua taxa de engajamento beirasse a zero.

info-fast-food-062016

Por enquanto, em relação às cadeias de fast food, o Torabit divulga as taxas de duas das principais redes: Facebook e Twitter.

Para calcular a taxa de engajamento, o Torabit utiliza uma fórmula bastante simples. A equação é composta pela soma de ações que os internautas fazem em cada rede (curtem, comentam ou compartilham) multiplicada por cem e dividida pelo número de seguidores da cadeia de fast food ao final de cada mês. O resultado, em percentual, é o índice de engajamento em cada rede.

Para compor o índice final, o Torabit calcula a taxa média, nada menos do que a soma das taxas obtidas por cada fast food dividida pela quantidade de redes – duas, neste caso.

O resultado, em percentual, permite comparar qual bloco de internautas é mais ou menos engajado em relação aos concorrentes de qualquer um dos fast foods.

Gostou? Curte e compartilha 😉

McDonald’s lidera em quantidade; Subway tem a melhor taxa de engajamento nas redes sociais

 

info-fast-food-062016

O McDonald’s, a marca mais valiosa entre os fast foods de todo o mundo, também é o campeão de seguidores quando comprado a seus seguidores. Ganha tanto no Facebook (64 milhões) quanto no Twitter (383 mil) no Brasil. Mas quem tem melhor desempenho nas redes sociais é o Subway, que fechou o mês de maio com 0,34% na taxa média de engajamento calculada pelo Torabit.

Das seis redes pesquisadas, duas são brasileiras: Habib’s e Giraffas. O desempenho da Giraffas a coloca em segundo lugar na taxa de engajamento com 0,25%. Já o Habib’s, que havia conseguido grande feito em abril porque saltou de uma média de 0,03% nos três meses anteriores para 0,13%, caiu em maio para 0,08% de desempenho e terminou o mês em quinto lugar.

Vale ressaltar que o que está puxando para cima a taxa de engajamento do Subway é o seu trabalho com o Facebook, onde está em primeiro lugar com 0,60% de engajamento. No Twitter, no entanto, o melhor trabalho foi o do McDonald’s, que conseguiu 0,21% de engajamento. No Twitter, o Subway fica em quarto lugar.

A taxa de engajamento mostra a relação direta da audiência conquistada em cada plataforma social versus o aproveitamento dela a partir dos posts da página, ou seja, o quanto os seguidores da página interagem com as postagens ofertadas. Nos meses analisados, a rede Bob’s pouco postou em suas páginas nas redes, fazendo com que sua taxa de engajamento beirasse a zero.

Por enquanto, em relação às cadeias de fast food, o Torabit divulga as taxas de duas das principais redes: Facebook e Twitter.

Para calcular a taxa de engajamento, o Torabit utiliza uma fórmula bastante simples. A equação é composta pela soma de ações que os internautas fazem em cada rede (curtem, comentam ou compartilham) multiplicada por cem e dividida pelo número de seguidores da cadeia de fast food ao final de cada mês. O resultado, em percentual, é o índice de engajamento em cada rede.

Para compor o índice final, o Torabit calcula a taxa média, nada menos do que a soma das taxas obtidas por cada fast food dividida pela quantidade de redes – duas, neste caso.

O resultado, em percentual, permite comparar qual bloco de internautas é mais ou menos engajado em relação aos concorrentes de qualquer um dos fast foods.

 

Gostou? Curte e compartilha 😉

A gente encontra o que você precisa.

Contrate já!